Give me a break!
novembro 24, 2009

Hunnnf ~.~

hunfff ~

Hum… como eu faço pra multiplicar cada um desses minutos perdidos no transito, ou de conversas indesejadas com pessoas desconhecidas e transformar tudo isso em pelo menos 1 minuto útil, ou pelo menos 1 minuto descansado.
Por mas que possa parecer absurdo o cansaço vem me corroendo e eu ainda não sei de onde ele esta chegando, talvez seja por eu estar usando energia desnecessária…. so queria poder render mais.

 

Na noite em que ia sair com a Julia acabei dormindo, jogada na cama coberta com a minha toalha, foi como se tivessem atirado em mim e eu so dormi. Não liguei, não me troquei, eu simplesmente queria estar ali… imóvel.

Provavelmente se eu pudesse escolher agora estaria na minha prainha,  um lugar que me traz um conforto absurdo… é um rio que vai de encontro com o mar, em épocas realmente  mágicas você escuta o mar batendo na pedra, e você esta naquela água doce, com as luzes da balada e uma péssima musica de discoteca de fundo. Mas so a sensação de que só tem você, o céu e o mar ali, uma conexão so entre os 3 já é valida.

Ai eu imagina a união de tudo isso e mais ele, o meu ombro, a minha vontade de sorrir… sabe aquele peito que te faz dormir? Aquele cara que faz você se tornar um panda preguiçoso, que é o único que consegue te fazer massagem sem machucar… o único que faz relaxar? Ai da vontade de sequestrar, jogar em um barco e fugir com ele, so pela sensação de aventura, só pra sentir aquela coisa de não ter compromisso com nada e mais ninguém além dele.

 

E tudo isso por que só estou pegando a um mês e meio o transito de São Paulo…..

So estou a 3 meses nesse novo serviço….

E só faltam 15 dias pras aulas acabarem…

 

…… Talvez eu seja uma garota mimada. 🙂

Anúncios